Publicidade

Publicidade

03/11/2008 - 13:01

Alternativa curiosa de um ex-viciado

Compartilhe: Twitter

Como já havia dito em minha primeira aparição por aqui, sou um dos raros participantes do Bebidinhas que não bebe absolutamente nada que contenha álcool. Até aí, tudo bem. O problema foi que em outubro de 2006 resolvi parar de consumir refrigerantes por um ano, um misto de promessa sem sentido com teste de resistência, afinal desde que me conheço por gente sempre fui um assíduo consumidor de guaranás.

Lutei bravamente nos primeiros meses de abstinência, principalmente nas noites de pizza, mas cheguei incorruptível até outubro de 2007, quando me olhei no espelho e pensei “por que voltar aos refrigerantes?”, e desde então nunca mais coloquei uma gota de xarope de qualquer coisa gaseificado na boca.

Mas isso não impediu que eu sofresse algumas crises, ansiando por sentir novamente o sabor do bom e velho guaraná passando gelado por minha garganta. Admito que comprei pó de guaraná e misturei com porções distintas de águas geladas, mas nenhuma das minhas experiências chegou perto da sensação provocada pelos refrigerantes da bela frutinha vermelha.

A guinada ocorreu durante uma dessas situações de desespero, quando encontrei o substituto perfeito na mais improvável das substâncias: o Sal de Fruta sabor guaraná!

Além de ter o gosto muito semelhante com o dos refrigerantes, sua efervecência simula de maneira impressionante o gás contido nos mesmos. E antes mesmo que alguém aponte todos os problemas que essa prática pode acarretar ao meu sistema gástrico, adverto que evito fazer uso do antiácido no meu dia a dia. Prefiro sim guardar meus pacotinhos de ENO para momentos especiais, como fazem os grandes sommeliers com seus vinhos mais raros.

PS – Crianças, não tentem repetir isso em casa: pode viciar.

Autor: - Categoria(s): Causos Tags: , ,
26/08/2008 - 12:01

Me embriagando de whisky com Guarah

Compartilhe: Twitter

Sou a favor dos drinks tradicionais: Cuba Libre, Gim e Tônica e Whisky com Guaraná. E ao experimentar o Guará, a versão suave do guaraná Antárctica, tinha que descobrir se a novidade combinava com a água escocesa.

O Guarah é perfeito pra quem gosta de guaraná, mas acha o refrigerante doce demais. E a ausência daquele melaço que fica na boca ao tomar o guaraná faz com que ele se dê muito bem ao ser misturado com o whisky. Dá uma adocicada sem deixar a bebida enjoativa. Recomendo! Fora que é um dos drinks mais simples do mundo.

Receita de Whisky com Guarah (ou guaraná mesmo)

  • \~/ Uma dose de whisky
  • \~/ Dois dedos de Guará
  • \~/ Gelo

Modo de fazer: Coloque o gelo em um copo baixo. Adicione o whisky e depois o guaraná. Gire o copo para fazer aquele barulhinho de gelo batendo no copo de whisky e pronto!

Sugestão: Pra quem gosta de hortelã, colocar algumas folhas deixa a bebida mais refrescante e com uma cor linda.

Para beber ouvindo “Dois pra lá, dois pra cá”.

Autor: - Categoria(s): Provamos, Receitas Tags: , ,
Voltar ao topo