Publicidade

Publicidade
19/08/2008 - 15:36

White Russian – o drink do “cara”

Compartilhe: Twitter

Cultura pop e bebidas têm tudo a ver. O Jack Daniel’s, por exemplo, tem cara, aroma e sabor de rock’n’roll, assim como o Dry Martini é quase um companheiro inseparável de James Bond. Eu, Daniel Hassegawa, editor de conteúdo do Minha Notícia e responsável pelo blog Toscorama, usarei este espaço para dar dicas de drinks relacionados a filmes, músicas, livros…

Jeff Lebowski, mais conhecido como “dude” (o “cara”), o patético personagem de Jeff Bridges em O Grande Lebowski (foto abaixo) – comédia de 1998 dos irmãos Coen – é um homem de poucos prazeres, mas não abre mão de seu White Russian.


Crédito/Foto: Divulgação/Gramercy Pictures

O drink, também chamado de “Caucasiano”, é uma mistura de vodca, licor de café e leite. Ótimo para o breakfast!


Crédito/Foto: Wikipedia/Cun/Jay Keaton

Seu preparo é simples. Em um copo de uísque, coloque:

  • 1 dose de vodca,
  • 3/4 de licor de café (Kahlúa, por exemplo)
  • Adicione um pouco de leite ou creme de leite
  • Misture com pedras de gelo no próprio copo ou bata em uma coqueteleira

 

De acordo com o Oxford English Dictionary, a mais antiga referência ao drink data da década de 1960, quando a receita acima foi publicada por um jornal da Califórnia. O White Russian até originou um sabor de sorvete preparado com Kahlúa.

Autor: - Categoria(s): Receitas Tags: , , , , , ,

Ver todas as notas

8 comentários para “White Russian – o drink do “cara””

  1. Capitu disse:

    Drink com leite? EEEEEEEEEEEEEEEECAAAAAAAAAAAA ;)

  2. Mac disse:

    Perfeito para um café da manhã…

  3. GUS disse:

    E também fica a dica para todos assistirem esse filme, né? Porque é MUITO bom.

  4. Daniel Poeira disse:

    Grande filme! Mas o James Bond prestou um des-serviço ao mundo dos cocktails – até hoje as pessoas bebem martini porque acham chic, mas na verdade é porque é o único drink que elas sabem o nome :) Acho que o formato da taça também ajuda na sedução.

    O tal do “shaken, not stirred” é um sacrilégio, mais catastrófico do que botar catchup na pizza ou caipisakê de mixirica. Se o coitado do gin não fez nada de errado, por que machucá-lo dessa maneira? Deixe o coitado em paz enquanto passeia calmamente pelo gelo na companhia tímida de seu amigo vermute.

  5. […] O White Russian, um drink fora de moda, renasceu graças aos fãs do filme “O Grande Lebowski” (foto). O New York Times fez matéria sobre o assunto. É fácil de fazer. […]

  6. inocencio disse:

    gostaria de receber dicas e receitas de drinks coktails, pois pretendo abrir um open bar.

  7. Danilo disse:

    Cara, tava pesquisando no google e acabei encontrando essa postagem, que já é um pouco antiga e ela me inspirou a “tentar” humildemente fazer esse drink com o que eu tenho disponivel aqui agora (rsrsrs). Peguei um duas colheres de chá de café em pó (daqueles solúveis, claro) e misturei com um pouco de água, depois coloquei uma colher de chá de açúcar, então coloquei o leite e uma dose e meia de vodka, tá, foram duas doses, então, o “grand finale”, foram raspas de chocolate, de um resto de um talento que eu comprei hoje pela manhã. Caramba, acertei em cheio, ficou delicioso, podem tentar que vocês, que gostam do Grande Lebowskyi, vão adorar esse novo drink rsrsr grande abraço.

  8. Seana disse:

    Tentem caipirinha com marguerita, sal nas bordas da taça gelada, fica muito bom.

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo